Midia.Net
nation2.com  


Enquete
Que filme representaria o Brasil no Oscar 2011?
Lula, o Filho do Brasil
Tropa de Elite 2
A Suprema Felicidade
Federal
Nosso Lar (Chico Xavier)
Ver Resultados

Rating: 2.8/5 (205 votos)




ONLINE
1







Total de visitas: 23594

Brasil


 

Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 25 milhões hoje

 

 

O concurso de número 1.236 da Mega-Sena, que será sorteado nesta quarta-feira, deve pagar R$ 25 milhões para a aposta que acertar as seis dezenas, segundo estimativa da Caixa Econômica Federal.

 

No sábado (27), nenhum bilhete acertou os seis números do concurso 1.235, e o prêmio acumulou. Os números sorteados em Natividade (TO) foram: 10 - 16 - 20 - 26 - 49 - 55.

 

De acordo com a Caixa, 83 bilhetes acertaram a Quina, que teve prêmio no valor de R$ 25.186,56. A Quadra foi acertada por 6.028 bilhetes, e o prêmio ficou em R$ 495,42.

 

Quem quiser tentar a sorte no próximo concurso, deve fazer suas apostas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio. A aposta mínima, de seis números, custa R$ 2.

 

MEGA DA VIRADA

 

As apostas para a Mega da Virada já podem ser feitas em todas as lotéricas do país. A estimativa da Caixa Econômica Federal é de que o prêmio para esta edição da loteria deva atingir R$ 150 milhões. No ano passado, o prêmio foi de R$ 144,9 milhões --o maior valor já pago pela Mega-Sena.

 

O sorteio da Mega da Virada será realizado na véspera do Ano Novo, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, com transmissão ao vivo pelos canais de TV abertos. Assim como em 2009, a Mega da Virada não vai acumular. Se não houver ganhadores na faixa principal, o prêmio será rateado entre os acertadores da Quina e assim por diante.

 

1º/12/2010   -    07H35

 


Dois presos morrem soterrados em tentativa de fuga por túnel em Natal

 

GLOBO.COM

 

Dois presos morreram soterrados quando cavavam um túnel para fugir da Penitenciária de Alcaçuz, no município de Nísia Floresta (RN), nesta terça-feira (30). Um terceiro detento que também escavava o túnel conseguiu sobreviver.

Os corpos foram removidos do local por uma equipe dos bombeiros e serão encaminhados ao Instituto Técnico Científico de Polícia de Natal.

O coordenador do Sistema Nacional de Informação Penitenciária (Infopen) do Rio Grande do Norte, José Olímpio da Silva, explicou ao G1 que os presos já tinham cavado um túnel com cinco metros de profundidade, quando ocorreu o desabamento.

“Eles retiravam a terra e escondiam dentro da cela, atrás da parede que separa o banheiro. Agora, será feita uma recontagem para verificarmos se há mais vítimas, mas conseguimos levantar com outros detentos que apenas os três faziam o túnel", disse.

 

1º/12/2010   -   07h29



Rio vai oficializar pedido para que Forças Armadas continuem policiamento

 

 

FOLHA ONLINE

 

O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, vai oficializar nesta terça-feira o pedido para que as Forças Armadas continuem o policiamento nos recém-reconquistados territórios da Vila Cruzeiro e do Complexo do Alemão até que seja possível instalar duas UPPs (Unidades de Polícia Pacificadora) nas comunidades. A expectativa é de que 2.000 homens da chamada Força de Paz do Ministério da Defesa fiquem responsáveis pela segurança dos locais até julho de 2011.

 

"Essas forças de paz tem papel importante porque as UPP's tem uma filosofia que passa por treinamento de novos policiais no complexo há contingente significativo para fazer o patrulhamento na comunidade. Esse contingente que faz patrulhamento ostensivo muito complicada na presença do crime e uma população tem enorme esperança dar todas as garantias", disse.

 

Ao lado do vice-governador Luiz Fernando Pezão, Cabral se reuniu na noite de segunda por mais de três horas com a presidente eleita, Dilma Rousseff, na Granja do Torto, residência oficial da Presidência cedida para a petista até a posse.

 

O governador deixou o encontro afirmando que Dilma considerou as ocupações nas duas comunidades na última semana positivas e que ficou claro que as UPPs são um "novo marco" na política de segurança do Rio e do país.

 

O governador negou que tenha tratado de recursos para as ações de combate ao crime organizado com a presidente eleita. Cabral disse que as ações estão garantidas financeiramente. "Nós temos os recursos nesse caso com apoio das Forças Armadas e para as implatações das UPP's. Esse apoio é importante e não precisa requisitar mais nada".

 

Cabral inagura nesta terça uma UPP no morro dos Macacos, em Vila Isabel, na zona norte.

 

Na reunião, Cabral disse que discutiu a questão de investimento em infraestrutura. "Nós temos o desafio de fazer no Rio nos próximos seis anos mais de três décadas de investimentos em saneamaneto, mobilidade urbana, investimento aeroportuária que diz respeito ao Rio e a São Paulo".

 

30/11/2010   -    08H29

 

 

Após ocupar Alemão, secretário diz que polícia chegará à Rocinha e Vidigal

 

FOLHA DE SÃO PAULO

 

O secretário de Segurança Pública do Rio, José Mariano Beltrame, afirmou em entrevista coletiva neste domingo que a polícia vai permanecer ocupando o Complexo do Alemão, "o coração do mal" em suas palavras.

 

Ele disse também que a ocupação policial irá se estender às favelas da Rocinha e do Vidigal, para onde traficantes podem ter fugido, segundo rumores. Beltrame não especificou quantos homens ficarão nas favelas do Alemão nem quando as outras duas comunidades poderiam vir a ser ocupadas.

 

"Há inteligência aqui nesse prédio [da secretaria] e, se se chegou no Alemão, também vamos chegar no Vidigal e na Rocinha", disse, ressaltando a importância de retomar os territórios do tráfico. "Vai haver a manutenção de policiamento que vai permanecer naquela região."

 

"O Alemão era o coração do mal e um lugar emblemático para todo o Rio de Janeiro, onde nós tínhamos uma convergência de marginais municiados. Então eu acho que, para a polícia, isso é uma vitória sim e, para os marginais, é uma perda de moral", afirmou.



Marino Azevedo-26.nov.10/Governo do Rio
Secretário de Segurança Pública do Rio, José Mariano Beltrame (terceiro, da esq. para a dir.); veja imagens deste domingo
 

 

Em relação à falta de reação dos traficantes e a eventual fuga dos chefes do tráfico no Alemão, o secretário disse: "Como acontece nas operações de instalação de Unidades de Polícia Pacificadora, não há reação à altura, diante de uma ação de planejamento estruturada (...) Vocês estão vendo que essas pessoas [traficantes] em algum momento, em uma ação mais à frente, mais atrás, elas são capturadas."

 

"Marginal sem arma, sem casa, sem território, sem moeda de troca, é muito menos marginal", disse Beltrame, que garantiu que as buscas nas casas de moradores foram feitas em "situação de flagrante ou com autorização dos moradores".

 

Questionado sobre porque o conjunto de favelas não fora ocupado anteriormente, o secretário afirmou que a ação não fácil e que sua rapidez se deveu ao planejamento. Em 2007, o próprio Beltrame e o então secretário nacional de Segurança, Antonio Carlos Biscaia, afirmaram que o Alemão e a Rocinha seriam pacificados antes de receberam obras do chamado PAC.



Silvia Izquierdo/AP
Policiais participam de ocupação do Complexo do Alemão, no Rio; veja outras imagens
Policiais participam de ocupação do Complexo do Alemão, no Rio;

 

BALANÇO

 

Ao fim da entrevista, a secretaria divulgou uma estimativa de que 20 pessoas foram presas hoje, com a utilização de 2.700 homens das polícias Militar e Civil, além das Forças Armadas.

 

O balanço parcial também aponta que foram apreendidos de 50 fuzis e 40 toneladas de maconha. Não foi divulgado o número de mortos e a quantidade de cocaína apreendida.

 

Até as 13h deste domingo, havia o registro de pelo menos 50 pessoas mortas na onda de violência que começou há uma semana. Deste total, foram 36 mortes de suspeitos registradas pela PM, 7 mortes registrados pela Polícia Civil e 7 registradas pelos hospitais públicos do Rio.

 

29/11/2010    -    06H48



Ataque a ônibus termina com motorista baleado na Zona Norte do Rio

O ESTADAO

 

 

O motorista de um ônibus foi baleado, por volta das 23h45 de quarta-feira, 25, na avenida Brasil, no bairro de Cidade Alta, região da Penha, zona norte do Rio, durante mais uma ação dentro desta onda de violência que se espalhou pela capital, Região Metropolitana e Baixada Fluminense desde o último domingo, 21.
 

Segundo a Polícia Militar, dois homens pararam o coletivo, ordenaram que todos os passageiros descessem e incendiaram o veículo. Durante a ação, o condutor do ônibus foi baleado na cabeça. Não se sabe ainda se o tiro foi disparado por um dos dois incendiários ou se por uma terceira pessoa; nem foi esclarecido ainda se houve alguma reação por parte da vítima.



 

O motorista, ainda não identificado, foi encaminhado em estado grave ao hospital estadual Getúlio Vargas, onde passava por cirurgia. Até a 1h15 desta madrugada de quinta-feira, 25, nenhum suspeito havia sido detido pela polícia. O caso deve ser registrado na 22ª delegacia.

 


Mais dois veículos foram incendiados

 

 

Na madrugada, entre a 0h e 1h45 desta quinta-feira, 25, foram incendiados mais dois carros. O primeiro foi encontrado em chamas na rua Jornalista Orlando Dantas, no bairro de Laranjeiras, zona sul. O segundo, na avenida Ayrton Senna, na Barra da Tijuca, zona oeste. Em ambos os casos, os criminosos não foram identificados por testemunhas nem detidos pela polícia. Não houve feridos.

 

Em patrulhamento pela rua da Laranjeiras, em Laranjeiras, policiais militares detiveram um homem que carregava um coquetel molotov dentro de uma mochila. Não se sabe ainda se ele possui participação no caso ocorrido na rua Jornalista Orlando Dantas.

 

Texto atualizado às 04h03

 

25/11/2010     -    08H00


 

Polícia Federal indicia duas pessoas na Bahia por suspeita de vazamento de prova do Enem

 

 

 

A Polícia Federal (PF) confirmou na madrugada desta quarta-feira --em comunicado no seu portal na internet-- a suspeita de vazamento do tema da prova de redação do ENEM (Exame Nacional do Ensino Médico) deste ano. Duas pessoas confessaram o crime e serão indiciadas sob suspeita de violação de sigilo funcional, previsto no Código Penal, podendo pegar até seis anos de prisão.

 

Segundo a PF, uma professora da rede municipal de ensino de Remanso (774 km de Salvador), que pertencia à equipe que aplicava provas, teve acesso ao título de um texto de apoio da redação cerca de duas horas antes da prova e ligou para o marido repassando a informação.

 

Após receber a informação, o marido da professora pesquisou o tema na internet e ligou para o filho em Petrolina (715 km de Recife). O estudante pediu orientação aos professores sobre como fazer a redação com o tema informado pelo pai.

 

Um dos professores do estudante levou a denúncia à Delegacia da Polícia Federal de Juazeiro. O delegado ouviu mais de 10 pessoas, fez perícias e pediu na Justiça a quebra do sigilo telefônico dos envolvidos, confirmando o vazamento das informações.

 

Prova está mantida

 

O Ministério da Educação informou, na madrugada desta quarta-feira (24), que não irá cancelar a prova do Enem, por considerar que não houve vazamento do exame em si, mas somente do texto motivador da redação

 

Segundo nota do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais), divulgada nesta madrugada, o estudante deverá ser eliminado do Enem.

 

24/11/2010    -     06H49

 

 

Paul McCartney encerra 1º show em SP com clássicos dos Beatles

 

DE SÃO PAULO

 

 

Com "Sgt. Pepper's Lonely Hearts" e "The End", Paul McCartney encerrou seu primeiro show em São Paulo, no começo da madrugada desta segunda-feira, no estádio do Morumbi, zona sul da cidade.

Muito simpático, o ex-beatle arriscou várias palavras em português e agradeceu várias vezes com um "obrigado" para um público estimado em 64 mil pessoas.

Baladas como "My Love", "Let It Be" e "Hey Jude" foram entoadas em coro pelo público.

A última encerrou a primeira parte do show, antes do bis, e os fãs continuaram cantando mesmo com Paul fora do palco.

Nesta segunda (22), há outro show no mesmo local, com ingressos esgotados.

 

22/11/2020   -   08H00

 

 

 

Coreia do Sul quer vender 11 navios ao Brasil por US$ 3,5 bilhões

 

AGÊNCIA EFE EM SEUL

 

 

 

O estaleiro sul-coreano Daewoo Shipbuilding & Marine Engineering (DSME) pretende vender ao Brasil, por US$ 3,5 bilhões, 11 navios para reforçar a proteção dos depósitos petroleiros marítimos do país, informaram fontes em Seul.

 

O DSME apresentou ao Brasil uma proposta preliminar para construir os navios citados, indicou um funcionário sul-coreano à agência "Yonhap", que pediu para não ser identificado.

 

"A Marinha do Brasil tem intenção, desde junho, de adquirir 11 navios de guerra", indicou o funcionário.

 

A fonte explicou que o projeto, no qual estariam interessados vários países europeus, entre eles Itália e França, tomaria forma a partir de janeiro de 2011, quando Dilma Rousseff assumirá a Presidência do Brasil.

 

A Marinha brasileira informou em setembro que prevê a construção, a partir de 2012, de cinco fragatas de seis mil toneladas, cinco navios de patrulha oceânica e um navio de apoio logístico de 20 mil toneladas.


18/11/2010   -   07H22

 

 

Dilma descarta manter cotas de siglas aliadas em ministérios


 

 

FOLHA DE SÃO PAULO

 

A presidente eleita, Dilma Rousseff, mandou abortar qualquer negociação com os partidos aliados para que cada um mantenha os mesmos ministérios em seu governo, informa a repotagem publicada na edição desta quarta-feira da Folha e disponível na íntegra para assinantes do jornal e do UOL.

 

Segundo a Folha apurou, a petista avisou a interlocutores que não aceitará essas imposições como critério para repartir os cargos da Esplanada, tampouco entrará no xadrez ministerial vestida numa "camisa-de-força".

 

Ela disse que seu poder de escolha não pode ficar engessado pelas demandas da base, ainda que, em alguns casos, o pleito de manter as pastas seja contemplado.

 

A determinação de Dilma é uma clara reação ao "pacto de não agressão" firmado entre PMDB, PR, PP, PTB e PSC, selado para ampliar seu poder de barganha. Dilma não quer repetir a "fotografia" do atual governo, apesar do carimbo da continuidade.

 

A presidente eleita costuma dizer em conversas privadas que atender a essa demanda significa perder autonomia para definir sua própria equipe. A ideia de manter intocados os territórios hoje ocupados partiu do PMDB, defensor da tese de continuar com seis ministérios sob sua tutela.


17/11/2010   -   07H15

 

 

Silvio Santos diz que quem pagar leva a rede SBT

 

DA FOLHA DE SÃO PAULO


O empresário Silvio Santos atendeu ontem à noite, em sua casa, a um telefonema da Folha e disse que, se alguém pagar o que ele deve ao FGC (Fundo Garantidor de Crédito) --que emprestou à sua holding dinheiro para cobrir o rombo do banco PanAmericano--, pode comprar o SBT.

 

"Não precisa nem pagar para mim, paga para o fundo", disse Silvio em entrevista à jornalista Mônica Bergamo, publicada na edição desta sexta-feira da Folha e disponível na íntegra para assinantes do jornal e do UOL.

 

Durante a conversa, Silvio afirmou ainda que não conhece Eike Batista, apontado como um possível interessado em comprar a TV.

 

O empresário também negou ter falado sobre o PanAmericano durante uma reunião com Lula em setembro e ironizou insinuações sobre a bolinha de papel jogada em Serra. "Caiu alguma coisa na cabeça dele?", disse.

 


 

 

EIKE BATISTA DE OLHO NO SBT

 

Abusando do bom humor e de frases lacônicas, o empresário Eike Batista disse que prefere “deixar em aberto” os rumores sobre a possibilidade de seu grupo, o EBX, entrar na área de comunicação, comprando o SBT, do empresário Silvio Santos.

Os rumores surgiram ontem, embalados pelas notícias referentes aos problemas financeiros do Banco PanAmericano, pertencente ao grupo do apresentador televisivo, e ganharam vulto na rede social Twitter. Em entrevista a “O Estado de S. Paulo”, Luiz Sandoval, executivo do Grupo SS, disse que o único negócio que Silvio Santos não admite vender é o SBT.

“Nós estudamos tudo, todas as possibilidades. Olhamos tudo no Brasil, tudo o que é bom e o que dá para arbitrar, olhamos”, disse Eike. Ele falou que a avaliação sobre investimentos tem de levar em consideração a competitividade do setor. “Eu não vou entrar para competir com a AmBev, com o Submarino e a Embraer. O Brasil tem áreas que competem em excelência mundial. Mas nem tudo tem esta competitividade. E tudo o que é ineficiente no Brasil enxergamos um espaço gigante para poder investir.”

Indagado especificamente até que ponto seria interessante adquirir uma empresa de comunicação, Eike foi econômico na resposta: “É interessante, sim”.

Batista palestrou na Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan) e comentou sobre outros investimentos. “Sonho em trazer montadora da Apple para a gente ter produtos sem ter que pagar o dobro do que se paga nos Estados Unidos. Também vou ver se negocio com a BMW”, acrescentou.

Eike falou ainda sobre a parceria com o grupo americano IMG Wolrdwide, empresa global de esportes e entretenimento. Cada sócio ficará com 50% do negócio. O empresário enxergou um filão na construção de arenas diante da proximidade da Copa de 2014 e das Olimpíadas. Rumores ficaram fortes na internet. Empresário prefere “deixar em aberto”

 

 

12/11/2010   -   08h38



Gianecchini vira piada na internet com propaganda de shopping e um slogan cheio de duplo sentido


 

DA INTERNET

 

Certas campanhas publicitárias, depois de veiculadas, parecem tão adequadas a tornarem-se brincadeira que é difícil acreditar que a criação do slogan não tenha este objetivo. O galã da TV e do cinema Reynaldo Gianecchini alcançou, esta semana, a condição de protagonista de um desses divertidos ‘acidentes de criação’.

Garoto propaganda da Pintos Shopping, ‘Giani’, como é conhecido entre os mais íntimos e os fãs, aparece em um filme emprestando seu carisma à rede de lojas. O problema – ou a grande sacada da campanha – é exatamente o slogan: “Pintos Shopping, tudo que você mais gosta, no lugar que você sempre quis”.

As alternativas, digamos, irreverentes de interpretação do mote da “Pintos” fizeram o comercial exceder, em muito, os limites de seu público alvo, em Teresina. ‘Giani’ é, desde a manhã desta quarta-feira, um hit do YouTube e, a partir de agora, candidato às infinitas possibilidades de paródia e de brincadeiras na rede. Bom para a Pintos e o publicitário que pensou na campanha. E para o ator?


Veja o comercial do Shopping:

 

 

 

11/11/2010   -    10h49

 

 

 

Silvio Santos deu suas 44 empresas como garantia para salvar Banco Panamericano

 

 

 

As ações do Banco Panamericano despencaram 29,5% ontem, após anúncio na véspera de uma operação de socorro de R$ 2,5 bilhões para cobrir o rombo de uma fraude contábil e evitar a falência da instituição.

Há seis semanas, o Banco Central (BC) detectou o rombo na instituição de Silvio Santos, que é a 21ª maior do país e especializada no crédito ao consumo para a baixa renda. O problema foi detectado quando eram analisadas operações de crédito vendidas pelo Panamericano aos grandes bancos de varejo. Foi constatado que essas instituições haviam adquirido operações do Panamericano em número menor que o declarado pela financeira do empresário Silvio Santos. É como se o comprador declarasse a compra de dez carteiras, mas o vendedor registrasse a venda de 50 operações.

Diante da diferença dos números, o Panamericano, questionado pelo BC, admitiu o problema e o controlador Silvio Santos conseguiu empréstimo de R$ 2,5 bilhões do Fundo Garantidor de Créditos (FGC) - criado para proteger correntistas e poupadores de bancos em dificuldades - para cobrir o rombo. Não houve aporte de dinheiro público.

No intuito de acalmar o mercado, a diretoria do banco foi demitida ainda na terça-feira. Além disso, cinco dos nove novos diretores foram nomeados ontem pela minoritária Caixa Econômica Federal, que comprou 49% do capital votante do banco em dezembro do ano passado.

BC não vê contágio

O BC vai agora investigar a origem e os responsáveis pelo problema e fará uma varredura mais profunda nos balanços de outros bancos. A autoridade não teme, porém, efeito dominó no sistema financeiro.

As ações de outros bancos médios também sofreram forte queda. Os títulos do BicBanco e do Sofisa caíram mais de 4%.


11/11/2020     -      07h33

 

 

 

Mulher filma marido agredindo filho de dois meses no sul de Minas

 

Uma mãe desconfiada registrou o momento em que o marido agrediu o filho deles de apenas dois meses. As imagens chocantes foram entregues à polícia de Pouso Alegre. O pai, o comerciante João Darcir Magalhães, de 43 anos, permanece por tempo indeterminado no Presídio de Pouso Alegre.

A primeira agressão registrada é um tapa que o pai dá no braço do bebê. O homem coloca o menino no berço e fica ouvindo ele chorar, sentado na cama. Minutos depois, ele segura a criança, senta mais uma vez na cama e enfia o dedo na garganta do bebê.

A mãe começou a ter certeza das agressões quando o menino foi ao pediatra e o médico constatou que ele estava com a clavícula quebrada. O bebê também já tinha aparecido com o braço roxo e, segundo ela, não gostava de ficar no colo do pai. Todo material foi entregue à polícia, que abriu inquérito para investigar as agressões.

O pai do bebê foi preso por porte ilegal de armas.

 

VEJA O VÍDEO:

 

 

10/11/2010   -   08h00

 

 

Ministro considera baixo o número de prejudicados no Enem

 

DE SÃO PAULO

 

O ministro da Educação, Fernando Haddad, disse nesta segunda-feira que o MEC recebeu um número relativamente pequeno de relatos de problemas no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), aplicado neste fim de semana para 3,3 milhões de estudantes em todo o país.

 

De acordo com Haddad, o Inep ainda investiga o número exato de candidatos prejudicados, mas que, até a tarde desta segunda, o número de casos estava abaixo da estimativa inicial de 2.000 estudantes. O MEC disse que, até agora, identificou apenas uma escola inteira em Sergipe que não conseguiu trocar as provas com questões repetidas ou faltando, além de outros casos, isolados, em todo o país.

 

Alan Marques/Folhapress


 

Ministro da Educação, Fernando Haddad, diz que consultoria

jurídica do MEC vai tentar reverter suspensão do Enem


 

Ele afirmou que, na maior parte dos casos, os estudantes que receberam provas com defeito conseguiram trocar as provas. Ele afirma que havia um grande número de provas sobressalentes e também várias provas sobrando, já que a abstenção foi de de 29%.

 

"Feito o balanço dos estudantes que não tiveram a prova trocada, a vantagem do Enem é que ele poderá fazer a prova depois sem prejuízo", disse. Haddad afirmou que estão avaliando caso a caso, e que "100% dos estudantes serão contemplados". Ele disse que ainda não foi definida a data da eventual prova.

 

Haddad também citou que o problema nas provas foi assumido pela gráfica RR Donnelley e que, caso haja nova prova, o custo de impressão será bancado pela empresa.

 

SUSPENSÃO

 

Sobre a suspensão da prova, determinada pela Justiça Federal do Ceará, o ministro disse que a consultoria jurídica do MEC tentaria reverter a decisão. Os advogados vão prestar esclarecimentos sobre a metodologia do Enem, e, caso não convençam a juíza, vão recorrer da decisão.

 

Haddad disse que outras liminares (decisão provisórias) já tentaram suspender o Enem no passado, mas que em todas as ocasiões as decisões foram revistas. O ministro disse ainda que a consultoria jurídica avalia se, caso a suspensão seja mantida, existe problema em colocar no ar o sistema para que o aluno indique como preencheu o cartão de respostas da prova. A previsão é que o sistema esteja funcionando até quarta-feira pelo site do Inep (www.inep.gov.br).

 

Haddad defendeu que o Enem é "absolutamente sustentável" sob o ponto de vista técnico e disse que não cogita marcar um novo exame.

 

RESPONSABILIDADE

 

Outro erro comentado pelo minsitro foi o do cabeçalho da folha de respostas, que tinha o espaço para o gabarito das questões de ciências da natureza incorretamente identificado como de ciências humanas.

 

Ele disse que será aberto um procedimento administrativo para investigar a responsabilidade de algum funcionário do Inep na autorização da impressão errada. O funcionário pode não ter dado conta de que os cabeçalhos estavam trocados pois, no ano passado, as questões tiveram ordem diferentes da deste ano. "Houve a inobservância da portaria que regulamenta o Enem", disse o ministro, sem especificar quem deixou de prestar atenção.

 

09/11/2010   -    07h12

 

 

 

Inep estuda aplicar outra versão do Enem para alunos prejudicados no 1° dia do exame

 

FOLHA DE SÃO PAULO

 

O Inep, instituto responsável pelo Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), estuda aplicar outra versão do exame a alunos que fizeram a prova no sábado com algumas questões repetidas e outras faltando.

 

 


O problema ocorreu em algumas provas do caderno amarelo. Segundo o Inep, a orientação aos fiscais de prova nesses casos foi trocar a prova na hora por outra sem o problema. O instituto admitiu, no entanto, que em alguns casos isso não ocorreu.

 

Nesses casos é que está sendo estudada a possibilidade de reaplicar a prova, mas ainda não há certeza se essa será mesmo a solução adotada. "A gente garante que nenhum aluno será prejudicado", disse o presidente do instituto, Joaquim José Soares Neto, não descartando que o órgão proponha outra saída.

 

No ano passado, alunos que não puderam fazer o Enem em cidades do Espírito Santo atingidas por enchentes fizeram a prova na mesma data dos presidiários, um mês depois.

 

Neste ano, a prova nos presídios ocorrerá no início de dezembro _essa é uma das possibilidades para quem tiver que refazer a prova.

 

Neto afirmou que o problema nas provas amarelas ainda está sendo dimensionado. Uma estimativa preliminar e extraoficial é que cerca 2.000 estudantes tenham feito a prova incompleta.

 

PROBLEMA NO GABARITO

 

O presidente do Inep também anunciou que entrará no ar na quarta-feira o sistema que permitirá aos candidatos pedir que sua prova seja corrigida em uma ordem diferente de questões. O prazo para os pedidos vai até o dia 16 de novembro.

 

O site terá que ser aberto devido a um erro na folha de respostas na prova aplicada no sábado. O caderno de questões apontava que ciências humanas ia da pergunta 1 à 45, e ciências da natureza, da 46 à 90. No cartão-resposta, a ordem, no entanto, estava invertida: o bloco de ciências da natureza ia da 1 à 45.

 

O presidente do Inep afirmou que ainda será investigada a responsabilidade pelas falhas. Ele afirmou que só soube do problema após as 13h de sábado, embora o edital previsse que funcionários do Inep teriam que aprovar as provas na gráfica.

 

Ainda assim, ele disse estar com a sensação de "missão cumprida". "Eu me sinto muito orgulhoso de ter liderado um processo dessa dimensão e dessa importância para a educação brasileira", disse.

 

08/11/2010   -  06H37


Niemeyer entrega desenho de museu que homenageia Pelé

 

AGÊNCIA EFE - RIO DE JANEIRO

 

O arquiteto Oscar Niemeyer elogiou Pelé, a quem definiu como "um ídolo inesquecível", durante a apresentação desta quinta-feira do desenho de uma escultura que será erguida em homenagem ao ex-jogador, junto a um museu dedicado à sua trajetória.

 

Niemeyer, 102, recebeu Pelé em seu escritório no Rio de Janeiro para entregá-lo oficialmente os esboços do monumento de 20 metros de altura.



Marcos Michael/Reuters
Pelé e Niemeyer durante a entrega do monumento que ficará à frente  do museu dedicado à carreira do ex-jogador em Santos
Pelé e Niemeyer durante a entrega do projeto do monumento que ficará à frente do museu dedicado ao ex-jogador

 

"Estou muito honrado, porque quase sempre se fazem homenagens às pessoas que já morreram, mas eu tive a bênção de recebê-la antes de morrer", afirmou o ex-jogador.

 

Por sua vez, o arquiteto não economizou elogios para o "Rei do Futebol": "Pelé é um ídolo e nunca será esquecido".

 

A estrutura criada por Niemeyer será dividida em duas partes: uma torre de cimento de 20 metros de comprimento e, na base, uma grande bola de sete metros de diâmetro, do mesmo material.

 

"Minhas inspirações foram o futebol e a bola, o que há de mais relacionado a Pelé", explicou o arquiteto.

 

Em seu interior, a bola terá um salão de exposições e uma sala de cinema, enquanto a imponente torre será o primeiro impacto visual para os visitantes.

 

O monumento será construído em Santos

 

"O Santos me lançou ao mundo", agradeceu Pelé.

 

Junto com a escultura, o o ex-jogador terá a partir de 2012 um museu dedicado a sua vida e a seus triunfos esportivos, onde ficarão mais de 3.000 objetos de seu patrimônio pessoal, acumulados desde a infância e ao longo de sua trajetória profissional.

 

"O museu terá um grande valor cultural para nosso país", disse Pelé, que revelou ter insistido em abrir o centro no Brasil, e não na Europa, no Japão ou Arábia Saudita, como foi oferecido.

 

Durante o encontro entre o arquiteto e o ex-jogador, que durou cerca de meia hora, o ídolo do esporte foi perguntado se considerava Niemeyer o Pelé da arquitetura e respondeu. "Melhor, me consideraria o Niemeyer do futebol."

 

 

05/11/2010   -   07H17


Obrigada a ajoelhar em grãos, criança de 9 anos era estuprada diariamente


 


 

CUIABÁ-MT

 

Uma menina de apenas nove anos vinha sendo violentada há mais de seis meses pelo padrasto. Além da violência sexual, a garota ainda vinha sendo agredida, humilhada, sofria maus-tratos quando ficava de joelhos em grãos de milho e ainda era ameaçada de morte para não falar.

A violência foi descoberta pelo avô da menina, cujo pai morreu recentemente e ele ficou sob a guarda da mãe, mesmo com protestos da família de que ela não tinha competências e meio para cuidar da filha.

Ao tentar pegar a neta na casa onde ela estava morando, na Rua 24 do Jardim Vitória, na periferia de Cuiabá, o avô percebeu que a menina parecia muito nervosa, como se estivesse pedindo ajuda.

Ao levá-la para casa, o avô começou a perguntar se a menina estava bem, quando ela começou a chorar. Já mais calma, e garota começou a contar e a confirmar que vinha sendo usada sexualmente, praticamente todos os dias pelo padrasto, identificado apenas como André, de 25 anos.

A garota contou que todas às vezes que a mãe dela sai de casa, o padrasto a molestava sexualmente. Contou também, que durante à noite, quando a mãe dormia, o padrasto ia para o quarto dela para fazer sexo.

Segundo a pequena vítima, que já era obrigada a fazer sexo oral, o padrasto passava um óleo e fazia sexo anal. Ao tentar gritar, a menina tinha a boca tapada com as mãos e ainda era ameaçada de morte.

Desabafando para o avô, a garota contou ainda que estava sendo espancada constantemente. Em determinadas vezes, para causar ainda mais terror, a menina era obrigada a se ajoelhar em grãos de milho.

“Se você abrir a boca e contar eu vou te matar”, dizia o padrasto à garota. A queixa-crime de estupro, maus-tratos e ameaças de morte foi registrada na Central de Ocorrência, mas o caso será investigado pela Delegacia de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Deddica), chefiada pela delegada Mara Rúbia. (RJT).

 

FONTE: 24 HORAS NEWS

04/11/2010    -    08h25

 

 

Turista britânico desaparece em praia de Ilha Grande, no Rio

 

 

AGÊNCIAS DE NOTICIAS

 

Um turista britânico de 14 anos desapareceu na praia de Lopes Mendes de Ilha Grande, em Angra dos Reis (150 km do Rio), na manhã desta terça-feira. Segundo informações do Corpo de Bombeiros da ilha, Elliot Newton e um grupo de sete amigos tiveram dificuldades para sair do mar, por volta das 10h30, devido a força da correnteza. Naquele momento, as ondas atingiam cerca de 1,5 metro de altura.

 

Surfista que estavam na água ajudaram parte do grupo a sair, mas o adolescente ficou no mar. Os bombeiros fizeram buscas desde o fim da manhã até por volta das 19h, mas não tiveram sucesso. Foram usadas duas embarcações e uma equipe de mergulhadores. As buscas continuam nesta quarta-feira (3).

 

Segundo o Corpo de Bombeiros, há casos de afogamentos nas praias de Ilha Grande todos os dias, mas a maior parte das vítima é retirada do mar com vida. A praia de Lopes Mendes é considerada uma das mais bonitas, mas também uma das mais perigosas da região.

 

03/11/2020    -   06H38

Em seu primeiro pronunciamento, Dilma destaca papel das mulheres

 

FOLHA ONLINE

 

Dilma Rousseff (PT) destacou neste domingo o fato de ser a primeira mulher eleita presidente do Brasil em seu pronunciamento após a vitória. Segundo ela, sua eleição é uma demonstração do avanço democrático do país

 

A petista disse que seu desejo é que esse "fato até hoje inédito se transforme em um evento natural".

 

"Gostaria muito que os pais e mães de meninas olhassem hoje nos olhos delas, e lhes dissessem: sim, a mulher pode."


 

 

 

 

"A igualdade de oportunidade entre homens e mulheres é um princípio essencial da democracia", completou.

 

Dilma prometeu respeitar a Constituição. "Vou zelar pela a mais ampla liberdade de imprensa e pela mais ampla liberdade de culto."

 

A eleita também destacou as realizações do governo Lula e falou de sua campanha.

 

"O que mais me deu confiança e esperança, ao mesmo tempo, foi a capacidade imensa do nosso povo de agarrar uma oportunidade, por menor que seja, para com ela construir mundo melhor.


Alan Marques/Folhapress
Dilma cumprimenta militantes antes do discurso da vitória
Dilma cumprimenta militantes antes do discurso da vitória

 

Antes, em entrevista dentro do carro que a levou de sua casa para o hotel em Brasília, Dilma afirmou estar "muito feliz".

 

"É uma sensação de muita força e muita alegria. Estou muito feliz e agradeço aos brasileiros e brasileiras por esse momento."

 

A petista recebeu mais de 55 milhões de votos dos 105 milhões registrados nesta eleição.

 

Com 99,34% das urnas apuradas, Dilma está com 55,99% dos votos válidos (55.354.520 votos), enquanto José Serra (PSDB) tem 44,01% (43.514.344).

 

A abstenção foi de 21,44%. Entre os eleitores, 2,31% votaram em branco e 4,40%, nulo.

 

01/11/2010   -   06H38


Dados de dirigente tucano foram acessados sem motivo por gerente do BB

 

 

 

DA FOLHA EM BRASÍLIA

 

Os dados bancários do vice-presidente do PSDB, Eduardo Jorge, foram acessados sem motivo por duas vezes em uma agência do Banco do Brasil em Maricá (RJ), informa reportagem de Fernanda Odilla, publicada na Folha neste sábado.

 

Em depoimento à Polícia Federal na quarta-feira, o gerente de contas do BB Márcio Vinícius Alves afirmou que no dia 26 de março deste ano consultou por engano, em dois momentos, a conta corrente do dirigente tucano.

 

Alves contou à PF que fez os acessos às 11h29 e às 11h30.

 

Segundo a versão do servidor, atualmente lotado em agência do BB em Niterói (RJ), na ocasião foi feita "uma reclamação de cliente repassada pela telefonista da agência, questionando um depósito não creditado".

 

Para a defesa de EJ, que já suspeitava do acesso imotivado, não há dúvida de que o sigilo bancário foi violado.

 

Ontem, por meio da assessoria de imprensa, o BB informou que, "até o momento, as informações sobre acessos realizados à conta do cliente Eduardo Jorge não configuram quebra do sigilo".

 

 

30/10/2010   -   08h13


Indecisos são apenas 4%, e Dilma mantém 12 pontos de dianteira, diz Datafolha

 

 

 

 

FERNANDO RODRIGUES
DE BRASÍLIA

 

Pesquisa Datafolha realizada ontem voltou a indicar estabilidade no quadro da corrida presidencial, com Dilma Rousseff (PT) mantendo liderança de 12 pontos sobre José Serra (PSDB).

 

A diferença agora é que o percentual de indecisos caiu de 8% para 4% em dois dias. Essa redução nesse grupo de eleitores indica que há cada vez menos espaço para mudanças na tendência de favoritismo da candidata do PT.

 


 

O levantamento do Datafolha, encomendado pela Folha, foi realizado ontem em 256 cidades e com 4.205 entrevistas. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

 

Quando se consideram os votos válidos, Dilma manteve os mesmos 56% que obteve nos levantamentos de terça-feira (dia 26) e quinta-feira (dia 21). Serra também ficou com seus 44% registrados nas últimas duas sondagens.


Há alguma variação no que diz respeito aos votos totais, pois aí houve redução dos indecisos. Dilma oscilou de 49% para 50% nesta semana. Serra foi de 38% para 40%. Ambos movimentaram-se dentro da margem de erro da pesquisa.

 

Os que votam em branco, nulo ou nenhum mantiveram-se em 5%. E houve a queda nos indecisos, de 8% para 4% em dois dias, de terça para ontem.

 

No geral, as curvas dos candidatos na pesquisa Datafolha neste segundo turno mostram uma tendência clara: Dilma conseguiu ganhar algum fôlego desde o início do mês (pulou do patamar dos 48% para o dos 50% dos votos totais), enquanto Serra parece ter ficado estagnado (começou outubro com 41% e agora tem 40%).

 

Há também uma pequena variação para baixo, dentro da margem de erro, no percentual total dos que são indecisos somados aos que votam em branco, nulo e nenhum. No início deste mês, eram 11%. Agora, são 9%. Há sinais de que esses eleitores não querem mesmo sair desse grupo.

 

Essa tendência é perceptível entre os eleitores que dizem ter votado em Marina Silva (PV) no primeiro turno. No começo de outubro, 9% deles votavam em branco, nulo ou nenhum e outros 18% estavam indecisos. Somados, esses dois grupos eram 27%.

 

Ontem, segundo o Datafolha, os "marineiros" indecisos caíram para 8%, mas os que vão anular ou votar em branco foram a 18%. Os dois grupos totalizam 26%. Ou seja, cerca de um quarto dos eleitores de Marina não se convenceram até agora a votar em Dilma ou em Serra.

 

Outro dado que ajuda a entender porque a petista subiu um pouco neste mês e consolidou sua dianteira é o comportamento de quem no primeiro turno votou em branco ou nulo. Na primeira semana de outubro, 14% desses eleitores diziam estar propensos a votar na petista e 25% declaravam apoio ao tucano.

 

Passadas quase quatro semanas, o quadro se inverteu: 25% dos eleitores que votaram em branco ou nulo no primeiro turno dizem agora que vão escolher Dilma contra 13% que optam por Serra.

A vantagem de Dilma continua ancorada no eleitorado masculino. Entre os homens, ela tem 54% contra 38% de Serra. Já no voto feminino há um empate técnico: a petista está com 46% e o tucano obtém 43%, diz o Datafolha.

 

A pesquisa foi registrada no TSE sob o número 37721/2010.

 

29/10/2010   -   07H10



Lula deve ir à Argentina na sexta-feira para enterro de Kirchner

 

SIMONE IGLESIAS
FOLHA DE SÃO PAULO - DE BRASÍLIA

 

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva deverá ir à Argentina sexta-feira para participar do enterro do ex-presidente Néstor Kirchner. Lula ainda não definiu horário da viagem, mas pediu nesta quarta-feira ao seu chefe de gabinete, Gilberto Carvalho, que converse com o assessor especial para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia para organizar a ida ao país vizinho.

 

Lula decretou luto de três dias pela morte de Kirchner e, por meio de nota oficial, afirmou que tinha em Néstor Kirchner "um grande aliado e um fraternal amigo". Segundo Lula, o ex-presidente argentino teve papel notável na reconstrução econômica, social e política de seu país e na luta comum pela integração sul-americana.

 

FOTO: AGENCIA REUTERS

Ex-presidente argentino Néstor Kirchner ao lado de Lula;

brasileiro deve ir ao enterro em Buenos Aires

 

"Os brasileiros se associam à dor de nossos irmãos argentinos neste momento amargo. Transmito, em nome de meu governo e do povo brasileiro, à presidente Cristina Fernandez de Kirchner nosso imenso pesar e solidariedade."

 

Kirchner morreu aos 60 anos após uma parada cardiorrespiratória em sua casa em El Calafate, Santa Cruz, no sul do país. O corpo do líder do peronismo será trasladado a Buenos Aires, e o velório será realizado a partir do meio dia (13h de Brasília) desta quinta-feira na Casa Rosada, sede do governo.

 

Ele morreu na manhã desta quarta-feira depois de ser internado com urgência por problemas cardíacos em um hospital de El Calafate. De acordo com o jornal argentino "Clarín", Kirchner foi internado pela manhã no hospital José Formenti, acompanhado de Cristina, e morreu pouco antes das 10h (11h no horário de Brasília).

 

Néstor governou a Argentina de 2003 a 2007 e exercia três cargos simultaneamente. Além do posto como secretário-geral da Unasul (União das Nações Sul-Americanas), era deputado federal e dirigia o PJ (Partido Justicialista).

 

Segundo a imprensa local, Kirchner sofreu uma parada cardiorrespiratória com morte súbita. A TV estatal já confirmou a informação.

 

O ex-presidente e sua mulher estavam desde o último final de semana em sua casa em El Calafate, na região da Patagônia.

 

PODEROSO

 

Kirchner era considerado o político mais poderoso do país, e muitos asseguravam que ele estava por trás de cada uma das decisões da atual mandatária, a sua mulher Cristina Fernández de Kirchner.


O político, que havia exercido o cargo de governador na Província produtora de petróleo de Santa Cruz, na Patagônia, chegou à Presidência da Argentina em 2003, depois que o ex-presidente Carlos Menem desistiu de sua candidatura.


FOTO: AGENCIA LOS ANDES 25/05/2007

Kirchner ao lado da mulher, a presidente Cristina Kirchner;

ele era considerado político mais poderoso da Argentina

 

Kirchner assumiu com baixa popularidade e escasso poder político em nível nacional. Rapidamente, porém, conseguiu o apoio de muitos argentinos e construiu uma ampla rede de poder.

 

Foi o responsável por liderar a recuperação da Argentina da crise de 2001-02, a pior de sua história, promovendo um forte crescimento econômico. Devido a isso, muitos argentinos o veem como um presidente que lutou contra a pobreza e o desemprego.

 

À frente da Argentina, o ex-presidente costumava fazer discursos inflamados de retórica esquerdista e críticas abertas a rivais políticos, empresas privadas e ao Fundo Monetário Internacional.

 

Patrocinou ainda uma política de direitos humanos que buscou pôr atrás das grades os repressores da ditadura militar.

 

Ao terminar seu mandato, em 2007, decidiu estrategicamente ceder a candidatura presidencial governista à sua mulher, a quem havia conhecido na faculdade de Direito da Universidade de La Plata (cerca de 60 km ao sul da capital, Buenos Aires) nos turbulentos anos 1970.

 

28/10/2010   -   08h19


Romário, Marcelinho Carioca e Ciro Gomes se unem no Piauí para ajudar governador

 

FELIPE LUCHETE
DE SÃO PAULO

 

 

O PSB levou ontem (26) uma caravana de personalidades ao Piauí para ajudar campanha do governador Wilson Martins, que concorre à reeleição pelo partido.

 

Uma delas foi o deputado federal Ciro Gomes (PSB), que integra a campanha dilmista para a Presidência no segundo turno e fez críticas ao desafeto tucano José Serra.

 

 

Martins também recebeu dois ex-jogadores filiados ao partido: Romário (foto) - eleito deputado federal pelo Rio - e Marcelinho Carioca, que não se elegeu na disputa paulista para deputado federal.

 

Menos conhecida pela população, Iolanda Keiko Ota, eleita deputada federal em São Paulo, participou da carreata por ruas de Teresina.

 

A campanha de Martins aguarda para amanhã a presença de Renato Casagrande, governador eleito do Espírito Santo no primeiro turno com a segunda maior proporção de votos do país.

 

Na visita ao Estado, Ciro disse que Serra é um candidato "que tem coragem de fazer uma simulação com bola de papel" e que "sabe-se lá o que é capaz de dizer".

 

Falou ainda que aquilo que o tucano diz de manhã "não se escreve à tarde".


27/10/2010   -   07h52



Após Ceará, três Estados planejam vigiar mídia

 

DA FOLHA DE SÃO PAULO

 

 

 

Pelo menos mais três Estados se preparam para criar conselhos de comunicação com o objetivo de monitorar a mídia, a exemplo do já ocorrido no Ceará.

 

O governo de Alagoas, do PSDB, estuda transformar um conselho consultivo em deliberativo, com poder semelhante ao do cearense.

 

No Piauí, um grupo de trabalho nomeado pelo ex-governador Wellington Dias (PT) propôs a criação de órgão para, entre outras funções, vigiar o cumprimento das regras de radiodifusão.
Na Bahia, governada pelo PT, o conselho seria vinculado à Secretaria de Comunicação Social do Estado.

 

Nos três casos, há envolvimento do Executivo. Em São Paulo, tramita projeto similar ao do Ceará. A criação dos conselhos foi recomendação da Conferência Nacional de Comunicação, convocada pela gestão Lula.

 

Entidades da área criticam as iniciativas. A Abert (do setor de rádio e TV) teme a simulação de "clamor para justificar" o controle social sobre a mídia pelo governo federal.

 

25/10/2010   -   07H50



Dilma aumenta vantagem sobre serra, aponta Datafolha



Foto: Francho Barón


SÃO PAULO (Reuters) - A candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, aumentou sua vantagem sobre o adversário, José Serra (PSDB), na corrida presidencial, apontou pesquisa do instituto Datafolha divulgada nesta sexta-feira.

 

Dilma tem 50 por cento das intenções de voto no segundo turno da eleição presidencial, enquanto Serra aparece com 40 por cento. De acordo com o levantamento, publicado pelo jornal Folha de S.Paulo, 4 por cento dos entrevistados declararam voto nulo ou branco e 6 por cento responderam que não sabem.

 

No levantamento anterior do Datafolha, realizado entre 14 e 15 de outubro, Dilma aparecia com 47 por cento das intenções de votos, contra 41 por cento de Serra.

 

Considerados somente os votos válidos, que excluem os brancos, os nulos e os indecisos, a vantagem de Dilma sobre Serra sobe para 12 pontos.

 

A petista aparece com 56 por cento dos votos válidos, contra 44 por cento de Serra, de acordo com o instituto.

 

No levantamento anterior, Dilma aparecia com 54 por cento dos votos válidos, contra 46 por cento de Serra.

 

Segundo a sondagem, a intenção de voto em Dilma cresceu 8 pontos entre os eleitores que votaram em Marina Silva (PV) no primeiro turno. De acordo com o Datafolha, a petista abocanha 31 por cento dessa parcela do eleitorado, contra 23 por cento na sondagem anterior.

 

Já Serra, que no levantamento realizado entre 14 e 15 de outubro recebia 51 por cento dos votos destinados a Marina, agora é a escolha de 46 por cento desses eleitores.

 

Com quase 20 milhões de votos e a terceira colocação no primeiro turno da eleição presidencial, realizado em 3 de outubro, Marina e o PV declararam-se neutros no segundo turno da eleição presidencial no último fim de semana.

 

O Datafolha ouviu 4.037 pessoas na quinta-feira, dia 21, em 243 municípios. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

 

(Por Eduardo Simões)  22/10/2010   -  08h13

 

Após 8 anos de PT, Brasil se beneficiaria de mudança, diz Economist

 

 


 

 

AGENCIA BBC Brasil


Em edição publicada nesta quinta-feira, a revista britânica "The Economist" afirma que, após passar os últimos oito anos sob uma gestão petista, o Brasil "se beneficiaria de uma mudança no topo", dizendo que o PT dá sinais de "ter ficado muito confortável no poder".

 

A revista enumera outros motivos pelos quais o eleitor brasileiro deveria optar pelo candidato José Serra (PSDB), no segundo turno da eleição presidencial: "a senhora (Dilma) Rousseff não é Lula. Ela não tem os seus extraordinários dons políticos e talvez nem seu pragmatismo inato".

 

Também diz que Serra, "embora fraco na campanha, foi um eficiente ministro, prefeito e governador".

 

Embora afirme em outro texto que uma virada de Serra a esta altura seria equivalente a "dar um cavalo-de-pau num caminhão de dez toneladas". "The Economist" diz que o "Brasil agora tem uma opção".

 

Segundo a publicação, tanto Dilma quanto Serra podem ser descritos como social-democratas, e "ambos concordam em questões gerais sobre políticas econômicas e sociais". Mas a revista diz que, "nas questões em que eles discordam, Serra é o mais persuasivo".

 

"Serra também tem os seus defeitos, notadamente uma preocupante tendência em tentar 'microgerenciar' tudo", pondera a "The Economist". Mesmo assim, diz que "seu histórico indica que seria mais ágil em cortar gastos excessivos e eliminar o déficit fiscal", ao passo que Dilma "atacaria essas distorções mais gradualmente, se o fizer".

 

"The Economist" afirma que houve um "inexorável aumento nos gastos públicos" na gestão Lula e diz que, apesar de suas conquistas na luta contra a pobreza, o presidente "deixa um país onde um em cada dois lares não tem esgoto e os padrões educacionais permanecem deploráveis".

 

Folha.com.br   22/10/2010   -   08h11


CNT/Sensus: Dilma tem 52,8% dos votos contra 47,2% de Serra

 

TERRA.COM.BR

 

Pesquisa do Instituto Sensus encomendada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) divulgada na noite desta quarta-feira (20) mostra a candidata do PT à presidência da República, Dilma Rousseff, com 52,8% de votos válidos, contra 47,2% do tucano José Serra. O cenário desconta os eleitores indecisos e aqueles que disseram que votariam em branco ou anulariam o voto no dia 31 de outubro.


 

 


No caso de ambos os presidenciáveis, houve variação de votos dentro da margem de erro, com Dilma ampliando de 52,3% na última semana para 52,8% no atual levantamento, ao passo que o ex-governador de São Paulo, José Serra, passa de 47,7% para 47,2%.

 

Os votos válidos desconsideram brancos e nulos, que somaram 4,1% dos entrevistados, e indecisos, que somaram 7,2%. Considerando-se este público eleitor, Dilma tem 46,8% e Serra, 41,8% dos votos totais.

 

A pesquisa foi realizada nos dias 18 e 19 de outubro, com 2 mil eleitores. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais. O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número 36.192/2010.

 

No cenário espontâneo, Dilma passou dos 44,5% do levantamento realizado entre os dias 11 e 13 deste mês para 45,3% na pesquisa atual. José Serra tinha 40,4% e agora tem 40,6%. Brancos e nulos somam 4,1% e indecisos, 9,5%.

 

Quando medido o patamar de rejeição dos candidatos, os dois se mantém estáveis, com Dilma Rousseff com 35,4% e José Serra com 39,8%.

 

O chamado limite de voto, situação que engloba os eleitores que determinado candidato é o "único que votaria" acrescida da opção "poderia votar" em certo presidenciável, aponta liderança da ex-ministra da Casa Civil, com 60,2%, enquanto o ex-governador de São Paulo aparece com 56,4%.

 

 

21/10/2010   -   07h47


Brasil sobe 13 postos no ranking mundial de liberdade de imprensa

 


 

 

BBC BRASIL, EM PARIS

 

 

O Brasil subiu 13 posições e ocupa o 58º lugar no ranking mundial de liberdade de imprensa, divulgado nesta quarta-feira pela ONG Repórteres Sem Fronteira (RSF).

 

Segundo um comunicado da organização, a melhora na lista ocorreu graças a uma "evolução favorável na legislação" do país. "Um passo positivo foi dado às vésperas das eleições, com a revogação da lei que proibia caricaturar políticos", explicou em entrevista à BBC Brasil Benoît Hervieu, responsável pelas Américas da RSF.

 

A ausência de violência grave contra a imprensa e uma maior sensibilização do poder público em relação ao acesso à informação também motivaram o salto do país. "Por último, o Brasil tem uma das comunidades mais ativas na internet", diz o comunicado.

 

No topo do ranking de liberdade de imprensa estão, empatados em primeiro lugar, Finlândia, Islândia, Holanda, Noruega, Suécia e Suíça. Na outra ponta da lista, estão Turcomenistão (176º), Coréia do Norte (177º) e Eritreia (178º).

 

O relatório também destacou, em um capítulo intitulado "Crescimento econômico não quer dizer liberdade de imprensa", que o Brasil foi o único a evoluir no ranking entre o grupo dos Bric (Brasil, Rússia, Índia e China); Índia é 122ª na lista, Rússia 140ª e a China 171ª.

 

BRASIL

 

Apesar da melhora do Brasil, Hervieu garante que é preciso prudência, "pois ainda há problemas de violência" ligados à realização do trabalho da imprensa. Outro ponto negativo, segundo a organização, é a "censura prévia".

 

"Ainda existe uma forte censura prévia no Brasil. Nos últimos anos vimos uma multiplicação de ataques nesse sentido", diz Hervieu. Para ele, a Justiça brasileira sofre influência de políticos e toma decisões "ridículas, como proibir a citação de nomes e sobrenomes" em reportagens.

 

Hervieu minimizou a troca de acusações entre o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e parte da imprensa nacional durante a campanha eleitoral. "A posição da mídia ao dizer que as palavras de Lula são uma ameaça à imprensa é exagerada."

 

20/10/2010   -   08h37

 

Luciano Huck será o primeiro brasileiro a possuir um Audi A8



O apresentador Luciano Huck será o primeiro brasileiro ter um Audi A8. O automóvel está avaliado em torno de R$ 600 mil. Segundo informações, o carro estará em sua posse na próxima quarta-feira (20).


O veículo possui teto solar, sistema de som com 19 auto-falantes, volante em couro aquecível, banco em couro aquecido que oferece opções de massagem, DVD, receptor de TV, ar condicionado individual, entre outras coisas.

 

DAS AGENCIAS  19/10/2010  08H20

 

Cresce número de jovens no Brasil que não estuda nem trabalha

 


Nem estudando, nem trabalhando. Mais de dois em cada dez jovens brasileiros entre 18 e 20 anos se encontravam nessa espécie de limbo em 2009, à margem da crescente inclusão educacional e laboral registrada no país em anos recentes, informa reportagem de Érica Fraga para a Folha.

Essa geração "nem-nem" (tradução livre do termo ni-ni, "ni estudian ni trabajan", usado em espanhol) representa uma parcela crescente dos jovens de 18 a 20 anos. Eram 22,5% dessa faixa etária em 2001 e 24,1% em 2009 (o equivalente a 2,4 milhões de pessoas).

Nesse mesmo período, a taxa de desemprego no país recuou de 9,3% para 8,4%. Os dados são da PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) e foram levantados pelo pesquisador Naercio Menezes Filho, do Centro de Políticas Públicas do Insper.

Segundo especialistas, essa tendência é resultado de várias causas. Entre elas, paradoxalmente, o maior aquecimento no mercado de trabalho - que tem acirrado a competição - e o aumento significativo de transferências do governo para famílias de renda mais baixa.

 

Folha.Com 18/10/2010 - 09h51

 

 

Estudo aponta como tratar pacientes com infecção

 


 


Cientistas brasileiros participaram de um estudo internacional que descobriu uma nova forma de monitorar pacientes com sepse - conjunto de manifestações graves em todo o organismo produzidas por uma infecção. Os resultados da pesquisa, publicados na revista Science Translational Medicine, também sugerem uma terapia: a administração da proteína hemopexina.

 

A sepse é responsável pela ocupação de 25% dos leitos em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) no País, constituindo também a principal causa de morte nestas unidades - a doença mata 220 mil pessoas por ano no Brasil.

 

Os microrganismos costumam exaurir o sistema imunológico provocando uma inflamação generalizada. A resposta - mais do que a ação dos micróbios - piora o quadro clínico com queda da pressão arterial e falência de órgãos vitais. Ao lado de portugueses e norte-americanos, os brasileiros tentavam desvendar os mecanismos relacionados a uma reação tão desastrada.

 

A equipe do cientista português Miguel Soares, do Instituto Gulbenkian de Ciência, em Oeiras (Portugal), descobriu um culpado inesperado para a resposta descontrolada do organismo: a hemoglobina presente nos glóbulos vermelhos. A hemoglobina é a substância responsável por transportar o oxigênio do pulmão para os órgãos vitais por meio do sangue. Ela se associa a outras moléculas conhecidas como grupos hemes, que possuem um átomo de ferro e funcionam como anzóis para segurar moléculas de oxigênio.

 

Durante a infecção, os glóbulos vermelhos podem arrebentar e liberar a hemoglobina contida dentro deles, processo conhecido como hemólise. Solta, a hemoglobina transforma-se em uma ameaça. Em primeiro lugar, piora o processo inflamatório. Depois, perde os grupos hemes, que se tornam fonte de nutriente - ferro - para as bactérias e, além disso, são tóxicos para as células, levando a disfunções em diversos órgãos e, eventualmente, à morte. O artigo da Science Translational Medicine descreve a ação tóxica dos grupos hemes. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Fonte: Agencia Estado

 

Horário de verão exige readaptação de hábitos alimentares, dizem especialistas

 

DA AGÊNCIA BRASIL

Começou à meia-noite deste domingo o horário de verão, quando os moradores das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil adiantaram os relógios em uma hora. De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, acordar uma hora mais cedo vai exigir uma certa adaptação do corpo humano.

O médico Jacob Faintuch, do Hospital das Clínicas de São Paulo, recomenda que o ideal é que as pessoas tentem manter uma boa qualidade do sono, evitando "situações estimulantes no final da tarde ou no início da noite".

 

Médico recomenda alimentar-se bem e sem exageros no jantar e evitar consumo de café e exercícios físicos extenuantes


Faintuch também aconselha que as pessoas evitem consumir café ou chá preto, alimentar-se demais no jantar, dormir sem comer e praticar exercícios físicos muito extenuantes. "O ideal é praticar atividade física uma vez ao dia, no mínimo duas horas depois de acordar, e evitar a prática durante a noite", disse o médico, por meio de nota.

Segundo o médico, o desequilíbrio no organismo ocorre nos cinco primeiros dias da mudança no relógio -o horário de verão foi instituído para reduzir o consumo de energia elétrica no horário de pico, ao final da tarde.

A Eletropaulo, empresa responsável pela distribuição de energia em 24 municípios da região metropolitana de São Paulo, incluindo a capital, prevê um benefício extra com o horário de verão. De acordo com a empresa, o consumo de energia será reduzido em 6%.

Segundo Fernando Mirancos, diretor de operações da empresa, a redução também deve ocorrer dentro de casa.

"Para o consumidor residencial, é possível economizar utilizando menos tempo a iluminação artificial. Com essa medida, pode ocorrer uma redução de até 5% no consumo mensal de energia".


 

Eleição Presidencial: Dilma mantém vantagem sobre Serra, diz Datafolha

A segunda pesquisa Datafolha no segundo turno da eleição presidencial apresenta um cenário de estabilidade. Dilma Rousseff (PT) tem 54% dos votos válidos (excluem brancos, nulos e indecisos), contra 46% de seu oponente, José Serra (PSDB).

Os dados são exatamente os mesmos registrados em levantamento realizado na semana passada. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

A taxa de indecisos, porém, oscilou para cima e agora está em 8% (era 7% na pesquisa anterior). Os que pretendem anular o voto ou votar em branco, 4%, eram em número idêntico na semana anterior.



 

Em votos totais, a petista registrou uma leve oscilação para baixo, passando de 48% para 47%, enquanto o tucano se manteve com 41%.

Para o Datafolha, essa oscilação se explica por uma queda de 3 pontos percentuais entre o eleitorado de menor escolaridade, que representa 47% do total de eleitores no Brasil.

 

RELIGIÃO

Os temas religiosos que dominaram esta etapa da campanha, como aborto e casamento homossexual, parecem não ter influenciado o eleitorado.

Entre os católicos, por exemplo, que são maioria na população brasileira, a ex-ministra tem 51% contra 38% do ex-governador de São Paulo, números semelhantes aos registrados na semana passada (o tucano oscilou um ponto para cima).

No grupo de evangélicos não pentecostais a candidata petista cai quatro pontos, enquanto Serra oscila positivamente dois pontos. Essa faixa representa 6% do eleitorado.

Curiosamente, a maior movimentação ocorre justamente no grupo dos que se declaram sem religião, em que Dilma caiu cinco pontos percentuais, e Serra cresceu cinco (a petista ainda vence por 45% a 40%). O grupo também representa 6% do eleitorado.

 

MARINA

O apoio de Marina Silva poderia influenciar no voto de 25% dos entrevistados, segundo o Datafolha. Entre os que votaram na candidata verde no primeiro turno, 51% dizem optar por Serra agora, contra 23% que declaram o voto em Dilma (oscilação positiva de um ponto com relação à pesquisa anterior --o tucano manteve o patamar). Pretendem votar em branco ou anular o voto 11%, enquanto 15% dos eleitores de Marina estão indecisos.

 

REJEIÇÃO

Entre os que dizem não votar em Serra, a rejeição ao candidato tucano passou de 63% para 66%. No caso de Dilma, o número de eleitores que não declaram voto na petista e não votariam nela de jeito nenhum oscilou um ponto para baixo, caindo de 68% para 67%.

A pesquisa foi feita nos dias 14 e 15 de outubro com 3.281 eleitores de 202 municípios brasileiros e a margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Os contratantes do levantamento, registrado no TSE sob o número 35.746, são a Folha e a Rede Globo.

Criar um Site Grátis    |    Create a Free Website Denunciar  |  Publicidade  |  Sites Grátis no Comunidades.net